top of page
  • Foto do escritorJudivan Gomes

Provas do concurso da Empresa Paraibana de Comunicação (EPC) tem 30% de abstenção




Cerca de 30% dos inscritos no concurso público da Empresa Paraibana de Comunicação (EPC) faltaram às provas do certame neste domingo, 2. De acordo com o levantamento divulgado pela Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp) – organizadora do concurso –, dos 4.620 inscritos, 1.388 não compareceram aos locais de aplicação do exame. O gabarito será divulgado nesta terça-feira (04) nos sites da EPC (https://epc.pb.gov.br/) e Vunesp (www.vunesp.com.br), na aba “área do candidato”. Para o cargo de advogado, primeiro lugar no ranking da concorrência, estão sendo oferecidas o total de duas vagas. Ao todo, 221 inscrições foram confirmadas. O total de 159 vagas estão distribuídas entre 41 funções. O cargo com a maior oferta de vagas é para jornalista, com 26 vagas, e, desse total, oito vagas são destinadas a pessoas com deficiência e candidatos negros. Os salários variam de acordo com o nível de escolaridade da função, sendo R$ 1,8 mil para os cargos de nível médio, R$ 2,4 mil para nível técnico e R$ 3 mil a remuneração oferecida para os cargos de nível superior. O processo de seleção consiste em algumas etapas a depender do nível de escolaridade do cargo pleiteado. Dentre as etapas do processo, está a aplicação da prova objetiva e prática para os empregos de nível médio e técnico; e prova objetiva, prática e de títulos para os empregos de nível superior, que ocorreram neste domingo, dia 2. A previsão de divulgação do resultado final do concurso público está prevista para maio de 2023, ainda sem data específica para divulgação, e será disponibilizada no Diário Oficial do Estado (DOE). Níveis Médio, Técnico e Superior têm 41 funções O concurso da EPC está ofertando 159 vagas entre 41 funções de Nível Médio, Técnico e Superior, para contratação imediata. O certame é constituído de prova objetiva e prática, de caráter eliminatório e classificatório, além da etapa de heteroidentificação, para aqueles candidatos que, no ato da inscrição, se autodeclararam negros ou pardos, conforme o quesito cor ou raça utilizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na prova objetiva, os inscritos responderam 100 questões de múltipla escolha, com conteúdos de conhecimentos gerais e conhecimentos específicos para a função à qual concorre. Está prevista, exclusivamente para os candidatos de Nível Superior, uma prova de títulos, de caráter classificatório. O gabarito oficial da prova objetiva, de acordo com o edital do certame, será publicado extraoficialmente, no dia 4 de abril, nos sites da EPC e da Vunesp.


8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page