top of page
  • Foto do escritorJudivan Gomes

Prefeito autoriza obras de reconstrução do CMEI Yala Petit e destaca melhoria da qualidade do ensino na Capital




O Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Yala Petit, no Centro da Capital, vai receber o cuidado da gestão municipal para se transformar num ambiente muito mais acolhedor e confortável – a segunda casa para 100 crianças. O prefeito Cícero Lucena autorizou, nesta sexta-feira (12), o início das obras que vão reconstruir a unidade de ensino, no mesmo padrão das outras 35 já entregues, com novas salas, infraestrutura completa e espaços climatizados.

Esse cuidado inclui ainda a construção, do zero, de mais dez CMEIs e três escolas, que o gestor também já autorizou o início das obras para ampliar a oferta de vagas no Município. Este ano, por exemplo, a rede municipal ganhou 13 mil novos alunos, que, de acordo com o prefeito, demonstram a confiança de pais e mães na educação municipal, cada vez mais dotada das melhores condições de aprendizado.

“Essa unidade vai incorporar o padrão dos nossos equipamentos, das nossas escolas do Município, que além da reforma física, estão com melhor estrutura e dotadas de tecnologia e de novos brinquedos. Ou seja, ela vai passar a ter uma qualidade de trabalho e de aprendizado igual às melhores escolas particulares de João Pessoa”, garantiu o prefeito. “Há 30 anos, Deus me permitiu, ao lado de Lauremília como governador, a gente inaugurar essa creche. E, hoje, estamos voltando para dotá-la de melhores condições”, relembrou Cícero Lucena.

Com mais essa autorização, já são 85 unidades entrando no padrão que a Prefeitura vem colocando em prática desde 2021. Cinquenta estão com obras em andamento, com investimento de R$ 200 milhões em recursos próprios do Município, informou a secretária de Educação e Cultura (Sedec), América Castro.

“É como se fosse uma reconstrução da escola, porque a gente traz acessibilidade, a gente traz a climatização, a gente traz os solários quando é o motivo de creche, a gente traz recreio coberto, a gente traz a rua para a escola, que muitas delas não têm acessibilidade, já que a gente tem um trabalho bem modificado em relação ao cuidado com o deficiente. É uma revolução verdadeira que está acontecendo na secretaria - de infraestrutura, mas sem esquecer o que é mais importante para a educação, que é justamente a parte pedagógica. As nossas unidades de educação infantil estão trazendo agora o educar”, afirmou.

De acordo com Geane Maria Leite, gestora do CMEI Yala Petit, a Prefeitura já entregou os equipamentos digitais da unidade, como computadores, Chromebooks, mesa digital e sala Google. Agora, com as obras de infraestrutura, o espaço vai garantir as melhores condições de acolhimento. “Um dia de muita alegria e gratidão, porque a nossa unidade já vem recebendo esse olhar da gestão, que se consolida com a recuperação toda da estrutura”, agradeceu.

Veja todas as intervenções previstas para o CMEI Yala Petit, com investimento de R$ 1,2 milhão:

Modernização da fachada e acesso à edificação;

Construção de coberta para interligar o CMEI ao portão de entrada e pátio coberto;

Construção e pátio coberto em piso em granilite fulget na área externa;

Construção e solários nas salas de aula;

Execução de novo playground coberto com área para banho;

Pintura de toda edificação;

Execução de escovódromo no refeitório;

Instalação e forro em pvc nas áreas internas da edificação;

Execução e projeto elétrico e subestação;

Execução de projeto de combate à incêndio;

Execução de projeto de climatização;

Reconstrução e substituição de pisos;

Reparos e substituição de rede hidrossanitária;

Recuperação e substituição e inserção de novas esquadrias;

Reforma completa nos banheiros, com instalação de chuveiros elétricos e decks para banho;

Reforma completa na cozinha, com instalação de novas pias e bancadas;

Execução de armários em alvenaria em todas as salas;

Execução de passeio;

Adequação a acessibilidade.

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page