• Judivan Gomes

Prefeito é ameaçado de morte por decretar "lockdown"




Cidade no interior paulista foi uma das primeiras a implementar a restrição na segunda onda de Covid-19, e tem tido bons resultados


O prefeito de Araraquara (SP), Edinho Silva (PT), foi ameaçado de morte em uma rede social e registrou boletim de ocorrência neste domingo (28). A cidade foi uma das primeiras a decretar lockdown em meio à segunda onda da Covid-19 .

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, uma equipe de investigação da Delegacia seccional de Polícia da cidade realiza diligências para tentar identificar os autores das ameaças, que registraram descontentamento com as medidas restritivas na cidade.

Na noite de sábado (27), um usuário da internet registrou em rede social : "Alguém sabe onde o prefeito Edinho mora?". Nos comentários, além do endereço do prefeito, outros usuários escreveram mensagens com ameaças. "Aqui tem coragem, queria só round com ele primeiro. Depois ia esfaquear de baixo para cima", escreveu um usuário. "Vamos encapuzados", comentou outro.

O comércio não essencial na cidade está fechado desde 8 de fevereiro. Entre 21 de fevereiro e 2 de março, supermercados funcionaram apenas no sistema de delivery . Durante todo o período, o transporte público não funcionou.

De acordo com a prefeitura, a medida surtiu efeito: na última sexta-feira (26), pela primeira vez, a cidade passou 24 horas sem registros de novas mortes .

O comércio não essencial na cidade está fechado desde 8 de fevereiro. Entre 21 de fevereiro e 2 de março, supermercados funcionaram apenas no sistema de delivery . Durante todo o período, o transporte público não funcionou.

De acordo com a prefeitura, a medida surtiu efeito: na última sexta-feira (26), pela primeira vez, a cidade passou 24 horas sem registros de novas mortes .


Fonte: Último Segundo - iG


28 visualizações0 comentário