top of page
  • Foto do escritorJudivan Gomes

BTG/FSB: Lula tem 41%, e Bolsonaro, 34%; diferença entre eles cai 6 pontos

O petista caiu três pontos no levantamento, enquanto o atual chefe do Executivo subiu três. A margem de erro é de 2 pontos percentuais





Dados da pesquisa BTG Pactual, feita em parceria com o Instituto FSB e divulgada nesta segunda-feira (8/8), apontam que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem 41% das intenções de voto nas eleições de 2022. O atual mandatário do país, Jair Bolsonaro (PL), ficou com 34%. A diferença entre os dois caiu seis pontos percentuais em duas semanas.

Em comparação com a última pesquisa, realizada entre 22 e 24 de julho, Lula teve uma queda de três pontos percentuais, pois contabilizava 44% das intenções de voto e caiu para 41%. Bolsonaro subiu três pontos, já que na anterior tinha 31% e, agora, tem 34%. A margem de erro da consulta mais recente é de 2 pontos percentuais.

Os números fazem parte do cenário estimulado, quando o pesquisador apresenta ao eleitor uma lista com os nomes dos candidatos.

Ainda no cenário estimulado, Ciro Gomes (PDT) ficou com 7% das intenções de voto. Outros nomes da chamada terceira via também pontuaram, como Simone Tebet (MDB) e André Janones (Avante), com 3% e 2% das intenções de voto, respectivamente. Os demais candidatos ficaram com 1% das intenções de voto ou não pontuaram.

O estudo foi realizado entre os dias 5 e 7 de agosto, via telefone, com 2 mil eleitores. O intervalo de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-08028/2022.

No cenário espontâneo, no qual o próprio eleitor cita o candidato em quem votaria, Lula aparece na frente, com 38% das intenções de voto. Bolsonaro ficou com 31%. Em relação à pesquisa anterior, Lula e Bolsonaro variaram dentro da margem de erro, já que o petista tinha 40%, e o atual chefe do Executivo foi de 30% para 31%.

Ainda nesse panorama, Ciro Gomes é o candidato da terceira via com maior pontuação, chegando a 3% das intenções de voto. Além disso, 14% dos entrevistados não souberam responder, outros 6% afirmaram que não votariam em nenhum candidato e 4% disseram que votariam branco ou nulo.

Na simulação de segundo turno, Lula venceria com 51% dos votos e Bolsonaro ficaria com 39%. De acordo com o levantamento, o petista receberia 55% dos votos que foram para Tebet no primeiro turno, 44% de Ciro e 45% de outros candidatos.

Em cenário de embate entre Lula e Ciro, o petista venceria por 47% a 32%. Na disputa entre o ex-presidente e a senadora Simone Tebet, a diferença é maior: 50% contra 29%.

Já se Bolsonaro passar para a segunda rodada com Ciro, o candidato do PDT venceria a disputa por 48% a 41%. Numa disputa entre Bolsonaro e Tebet, o presidente venceria com 44% contra 40%.

Dados da pesquisa BTG Pactual, feita em parceria com o Instituto FSB e divulgada nesta segunda-feira (8/8), apontam que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem 41% das intenções de voto nas eleições de 2022. O atual mandatário do país, Jair Bolsonaro (PL), ficou com 34%. A diferença entre os dois caiu seis pontos percentuais em duas semanas.

Em comparação com a última pesquisa, realizada entre 22 e 24 de julho, Lula teve uma queda de três pontos percentuais, pois contabilizava 44% das intenções de voto e caiu para 41%. Bolsonaro subiu três pontos, já que na anterior tinha 31% e, agora, tem 34%. A margem de erro da consulta mais recente é de 2 pontos percentuais.

Os números fazem parte do cenário estimulado, quando o pesquisador apresenta ao eleitor uma lista com os nomes dos candidatos.

Ainda no cenário estimulado, Ciro Gomes (PDT) ficou com 7% das intenções de voto. Outros nomes da chamada terceira via também pontuaram, como Simone Tebet (MDB) e André Janones (Avante), com 3% e 2% das intenções de voto, respectivamente. Os demais candidatos ficaram com 1% das intenções de voto ou não pontuaram.

O estudo foi realizado entre os dias 5 e 7 de agosto, via telefone, com 2 mil eleitores. O intervalo de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-08028/2022.


Metrópoles

142 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page