top of page
  • Foto do escritorJudivan Gomes

Bolsonaro volta a atacar ministros do STF: "Quem pensam que são?"

Presidente afirmou que Alexandre de Moraes age fora da Constituição e diz que Luís Roberto Barroso entende de "terrorismo"




O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a fazer ataques aos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso, questionando "quem eles pensam que são". Bolsonaro também acusou Moraes de agir fora da Constituição e disse que Barroso entende de "terrorismo".

Bolsonaro é alvo de cinco inquéritos no STF — quatro deles relatados por Moraes — e de um inquérito administrativo no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), presidido por Barroso.

"Quem é que esses dois pensam que são? Quem eles pensam que são? Vão tomar medidas drásticas dessa forma, ameaçando, cassando liberdades democráticas nossas, a liberdade de expressão. Porque eles não querem assim, porque eles têm candidato Os dois, nós sabemos, são defensores do Lula, querem o Lula presidente", disse Bolsonaro, em entrevista ao canal Gazeta Brasil.

No ano passado, Bolsonaro passou semanas fazendo diversos ataques ao STF, especialmente a Moraes e Barroso. O auge ocorreu durante uma manifestação realizada no dia 7 de setembro, quando o presidente chamou Moraes de "canalha" e disse que não iria mais cumprir as decisões dele.

Dois dias depois, no entanto, o presidente divulgou uma nota dizendo que as declarações ocorreram "no calor do momento". Bolsonaro também conversou com Moraes por telefone.


IG

17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page