• Judivan Gomes

Após contrair covid-19, Queiroga posta mensagem antivacina

Ministro da Saúde ficará em quarentena nos EUA


O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, foi diagnosticado com covid-19 na noite da última terça-feira (21), após testar positivo em um exame em Nova York, nos Estados Unidos.


Queiroga faz parte da comitiva que viajou com o presidente Jair Bolsonaro para a Assembleia-Geral das Nações Unidas (ONU) e ficará em quarentena em Nova York por 14 dias. Esse já é o segundo caso positivo de Covid na delegação brasileira.

Está gostando da notícia? Fique por dentro das principais notícias Ativar notificações


O ministro da Saúde acompanhou Bolsonaro em todos os seus compromissos nos EUA e inclusive fez gestos obscenos a manifestantes que protestavam contra sua gestão da pandemia - quase 300 mil pessoas já morreram de Covid no Brasil desde que Queiroga tomou posse, em março.

"Comunico a todos que hoje [21] testei positivo para covid19. Ficarei em quarentena nos EUA, seguindo todos os protocolos de segurança sanitária", escreveu o ministro no Twitter. Já no Instagram, Queiroga divulgou uma mensagem antivacina na função stories.


"Que ironia! Ministro Marcelo Queiroga seguiu todos os protocolos, vacinou com a CoronaVac, usa máscara o tempo inteiro e foi contaminado. O presidente não se vacinou, não usa máscara, estava ao lado dele e não pegou", diz um post de uma usuária republicado pelo ministro.

A mensagem já foi excluída do perfil de Queiroga.


Terra


337 visualizações0 comentário